quinta-feira, 8 de novembro de 2007

Pat & Tik-Resenha de curta de animação



Sinopse:
Homem tenta a todo custo chamar a atenção de uma jovem
num banco de praça. Mal sabe ele que a chave para a con-
quista pode estar em gestos simples.



Crítica:
Nesta pequena vinheta poética de animação, Gibaux nos mostra
como gestos simples e honestidade emocional podem, às vezes,
ser a saída para nossos labirintos e abismos emocionais e existenciais.
O visual puro e inocente, conseguido pela hábil manipulação
de cores alegres e tons suaves, manipulação sonora e varia-
ção tonal no terço final do curta, acabam por criar uma obra
sentimental sem cair na pieguice e melodrama.
Pat & Tik tem a graça e encanto dos melhores Chaplins e a ho-
nestidade e força poética de um De Sica ou Tornattore.

Cotação: ***** de *****

Um comentário:

livia soares disse...

Olá, Ramon.
Eu adoro vir aqui. Gosto de tudo, até do que não conheço, porque sei que é só uma questão de tempo. É um prazer análogo ao que eu sentia na infância, em minhas peregrinações por bancas e sebos de quadrinhos, sonhando sempre com mais revistas dos que podia comprar... felizmente esse prazer não tem idade. E há os filmes, claro. Uma das coisas que pretendo fazer no próximo feriado que tiver é zanzar por todo este blog, desde o começo.
Um abraço.